15 de fevereiro de 2011

Robert Johnson "O Tocador Do Diabo"





Vamos começar vendo, a história de um cara, que foi conhecido, como o maior cantor de Blues, de todos os tempos e maior músico do século 20, seu nome é Robert Leroy Johnson, nasceu no Mississippi, a data não se sabe ao certo, especula-se que tenha sido em 1911, porém os registros não confirmam. Ele gravou apenas 29 músicas, e até hoje suas músicas são adaptadas e interpretadas por muitos artistas, entre eles, Eric Clapton, Red Hot Chilli Peppers, The Rolling Stones.

Bem, a história que gira em torno desse tão aclamado músico, é a seguinte, de que Robert, vendeu sua alma ao diabo, em uma encruzilhada, nas rodovias 61 e 49 em Clarksdale, Mississippi, em troca de poder tocar guitarra muito bem. essa informação foi divulgada por um outro cantor e guitarrista, Son House, e na verdade esse mito, ganhou força, por conta das letras de suas músicas, entre elas, Crossroads Blues, Hellhound on my trail, e Me And The Devil Blues.



Robert Johnson, morreu 3 dias depois, de tomar um whisky envenenado com estricnina, que foi preparado pelo dono do bar, em que Johnson estava fazendo uma apresentação, o nome do bar era (Tree Forks), o dono do bar fez isso, porque Johnson supostamente, tinha flertado com sua esposa, Johnson faleceu em 16 de Agosto de 1938, na verdade a causa da morte, foi por pneumonia, e não pelo fato dele ter ingerido o Whisky.



surgiram também alguns mitos, com relação a sua morte, como por exemplo, que ele tinha morrido de Sífilis, e que também havia sido morto por arma de fogo, no seu cerificado de óbito, cita apenas (No Doctor) sem médico, como causa de sua morte.

Para quem gostou da história, nada agradável para Johnson.

tem um filme que se chama Crossroads de 1986

Supernatural 2° temporada episódio 8
espero que tenham gostado da nossa primeira história, não foi tão do além assim, mas foi bastante interessante, deixem seus comentários a respeito.

mas a música do cara, nos faz viajar de verdade, acreditem se quiser!!!!